conteúdo do menu
conteúdo principal
04/05/2021

Secretaria de Saúde e Assistência Social

Nova Petrópolis inicia campanha de combate à pedofilia e à violência sexual contra a criança e o adolescente

Ações da campanha incluem levantamento de dados junto à população e série de publicações informativas

COMPARTILHAR NOTÍCIA

Com o tema “Criança brinca, mas não é brinquedo”, a Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social realiza em maio uma campanha de combate à pedofilia e à violência sexual contra a criança e o adolescente. As ações da campanha incluem um formulário online para levantamento de dados junto à população e uma série de publicações informativas sobre o tema.

O vice-prefeito e secretário municipal de Saúde e Assistência Social, Martim Wissmann, chama a atenção para a complexidade do tema, que é delicado, mas que precisa ser discutido e levado ao conhecimento de mais pessoas. “É preciso dar muito mais atenção para este tema, para que as pessoas estejam munidas de informação e possam ajudar a coibir este tipo de violência. E aqui cabe um destaque especial para os casos que envolvem a internet”, afirma Wissmann.

A campanha é organizada pela coordenadora do SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos), a psicóloga Vanessa Huf; pela presidente do Comdica (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), psicóloga Renata Schindel, e pelo educador social Webergton Carvalho.

De acordo com a equipe organizadora, como a maioria dos abusadores são parentes e ou mantêm vínculo próximo com a família das vítimas, a campanha é muito importante para conscientizar a população, possibilitando que cuidadores, professores, entre outros, estejam atentos aos comportamentos das crianças e dos adolescentes, além de ser possível a prevenção através da informação. “O segredo é a arma mais perigosa dos abusadores. Vamos falar sobre isso!”, alertam os profissionais.

O formulário para coleta de informações já encontra-se disponível no site da Prefeitura de Nova Petrópolis, clicando no banner da campanha, ou usado diretamente o seguinte endereço: bit.ly/campanhapedofilia.

Conforme a equipe organizadora da campanha, o formulário visa saber o quanto a população de Nova Petrópolis conhece sobre os temas da pedofilia e da violência sexual contra crianças e adolescentes, bem como levantar o volume de casos existentes. O participante não precisa se identificar ao preencher o formulário, sendo assegurado o anonimato.

A sequência de postagens com informações relacionadas ao tema da campanha acontecerá entre os dias 17 e 21 de maio, nas redes sociais da Prefeitura de Nova Petrópolis. O dia 18 de maio é considerado o “Dia nacional do combate à pedofilia e à violência sexual contra a criança e o adolescente”.


Crédito da foto: Francis Jonas Limberger/Comunicação PMNP

Outras Notícias

Portal Destaque